2180

Prefeitura Municipal de Estância

Pular para o conteúdo

Aprovado projeto de lei que estabelece Gestão Democrática nas escolas municipais de Estância

Fonte: Secom
13/09/2022 às 18h59

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


A Câmara Municipal de Estância, na sessão desta terça-feira (13), aprovou o Projeto de Lei Nº 02/2022, do poder executivo, que estabelece regras básicas para a seleção dos diretores de unidade escolar e regulamenta a Gestão Democrática no âmbito das unidades de ensino pertencentes à rede municipal.

Votaram na aprovação do PL: José Ascendino (Dode), José Paes (Zé da Paz), Sandro Barreto, Matheus Machado, Tertuliano Pereira, Flávio Brasil, José Evandro Machado (Evandro da Praia), Jorge Paulo Fonseca (Jorginho da Praia), Isaías de Jesus (Nego Bia), Alinete Soares (Netinha), Alex Porto (Léo); a sessão foi presidida pelo vereador Cristóvão Freire (presidente eleito para o biênio 2023/2024.

“Eu estou honrado em ter presidido esta sessão extraordinária, sessão que é um marco da democracia estanciana. Quero agradecer aos vereadores da oposição que não fizeram nenhuma objeção, aprovando o projeto sem nenhuma alteração; foi discutido com os representantes da classe trabalhadora dos professores, chegamos à conclusão que o melhor para Estância é a gestão democrática nas escolas, com certeza vai melhorar ainda mais o desenvolvimento da educação no município de Estância”, acentuou o presidente da sessão, doutor Cristóvão.

Aprovados dois importantes projetos

“Nesta sessão também aprovamos dois importantes projetos do executivo: um foi ampliando a margem de percentual para empréstimos, junto à Caixa Econômica, para os servidores que queiram fazer empréstimos consignados. O outro, foi a redução das margens de domínios da Rodovia Federal (BR-101) que corta o município, antes media 15 metros, agora passa a medir 5 metros. Uma visão inteligente da gestão do prefeito Gilson Andrade e do prefeito em exercício André Graça, com o objetivo de fortalecer a atração de novos empreendimentos, uma forma de encorajar investidores, comerciantes, empresários a instalarem negócios às margens da BR-101, que antes era domínio da União;  com esse projeto o Município  favorece empresários que almejam implantar negócios às margens da BR federal, logo, fortalecendo a geração de empregos”, pontuou doutor Cristóvão.

Parceiros

Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação