2180

Prefeitura Municipal de Estância

Pular para o conteúdo

Atividades no CAPS 1 celebram o "Janeiro Branco"

Fonte: SECOM
28/01/2019 às 13h48

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


Com o tema ‘Quem cuida da mente cuida da vida’, a Prefeitura de Estância, através da ação conjunta da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) e a Secretaria Municipal da Juventude e Desporto (SEJUDE) promoveu na manhã desta segunda-feira, 28, no Centro de Atenção Psicossocial Caps 1 - Carmem Prado Leite, atividades alusivas à Campanha “Janeiro Branco”, que visa alertar a sociedade sobre a importância, extensão e impactos da saúde mental na vida das pessoas. A ação contou com a participação de usuários do sistema, familiares e profissionais da unidade.

Abrindo a programação, a enfermeira Ana Clécia Alves explicou o significado do ‘Janeiro Branco’, e em seguida, por meio de uma roda de conversa apresentou a palestra ‘Mente sadia, corpo sadio’ chamando a atenção dos presentes e incentivando-os a vivência da felicidade. Ela destacou que o equilíbrio emocional se reflete na qualidade de vida da pessoa, por isso é importante o indivíduo saber lidar com as emoções, afinal, a saúde mental reflete na saúde física.

“Incluímos em nosso cronograma de atividades, ações voltadas ao Janeiro Branco nesta última semana do mês não apenas para os usuários, mas também para seus familiares e profissionais do CAPS, pois, o Janeiro Branco não é voltado apenas às pessoas com transtorno mental, o seu objetivo é enfatizar a manutenção equilibrada da saúde mental para que o indivíduo não chegue ao adoecimento, por isso é importante que seja promovida a cultura da saúde mental na humanidade”, frisou a coordenadora de especialidades em saúde mental do CAPS, Juliana Santos Carmo.

A programação também contou com palestra sobre saúde bucal, escovação assistida, distribuição de kit dental (escova e creme dental) e aula de zumba. No decorrer da semana também haverá um círculo com os familiares dos usuários do CAPS, oportunidade em que será realizada a Justiça Restaurativa que consiste num método facilitador do diálogo para solução de conflitos, além de atividade física, show de talentos com apresentação de coral e práticas terapêuticas e integrativas para os profissionais da unidade.

Josefa Cleide Santos Dantas, usuária do CAPS há 4 anos, elogiou a iniciativa. “O CAPS nos fornece um tratamento de boa qualidade. Me sinto feliz aqui e gostaria de dizer que a sociedade deve enxergar a gente como pessoas capazes e que tem dons”, disse. Anderson Augusto que frequenta o CAPS há 10 anos disse que participa de todas as atividades e quando chega o final de semana conta as horas para chegar a segunda-feira. “Aqui a diversão é garantida e também aprendo muitas coisas”, revelou.

O CAPS Carmem Prado Leite atende aproximadamente 400 usuário e conta com uma equipe multidisciplinar formada por médica, enfermeira, técnicos de enfermagem, psicólogas, assistente social, oficineiras e educador físico. A unidade dispõe do serviço portas abertas, ou seja, com o acolhimento dos usuários que chegam espontaneamente, e que inicialmente passam pelo acolhimento quando é feito o levantamento de suas necessidades de saúde. Em seguida é traçado um plano de cuidado que será trabalhado pela equipe multidisciplinar o qual inclui a participação da família, pois o tratamento não surtirá efeito se o paciente for tratado de forma isolada.

Localizado na Rua Camerino, s/n – Centro, o CAPS Carmem Prado Leite funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 14h.

Parceiros

Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação