2180

Prefeitura Municipal de Estância

Pular para o conteúdo

Estação Juventude 2.0 promoveu I Mostra de Teatro da Juventude de Estância

Fonte: SECOM
14/08/2019 às 13h05

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


A mostra integra as atividades da III Semana da Juventude, e marcou o encerramento das atividades do 1º semestre das oficinas de tetro

Com o objetivo de estimular a criatividade e colocar em práticas as técnicas aprendida durante as oficinas de teatro do Projeto Estação Juventude 2.0, foi realizado na noite de terça-feira, 13, no Barração Cultural Zé De Clara, a I Mostra de Teatro da Juventude, em culminâncias as atividades do primeiro ciclo de cursos do Estação Juventude. Projeto do Governo Federal realizado em parceria com a Prefeitura de Estância, através da Secretaria Municipal da Juventude e Desporto.

A mostra integra a programação da III Semana Municipal da Juventude, que ocorre de 12 a 17 de agosto, e marcou o encerramento das oficinas do primeiro semestre do curso de teatro, sobre a condução da atriz e oficineira Lidiane Nobre. Na oportunidade, duas peças foram apresentadas ao público pelos alunos “Liz, Câmara, Ação!” e “Se Doando por Amor”, desenvolvidas pelos alunos do curso de teatro sobre a direção e concepção da instrutura responsável pelas oficinas de teatro.

Nesse primeiro ciclo, um total de 60 jovens participaram das oficinas tendo aulas teóricas e práticas ministradas três vezes por semana, ao longo do último semestre. A instrutora das oficinas Lidiane Nobre, falou da satisfação de promover a I Oficina de Tetro. “Estou muito satisfeita com o resultado do projeto. Nessa noite o público teve a oportunidade de prestigiar e se divertir com a apresentação de duas peças, e mais do que isso puderam acompanhar o resultado da entrega e dedicação de cada um dos alunos. Essa culminância de hoje é muito importante para o fazer teatro, não adianta apenas aprender os conteúdos, as técnicas, entender um pouco sobre os autores sem exercitar. E esse foi o nosso objetivo, proporcionar aos novos atores e atrizes esse termômetro de avaliação sobre a sua atuação.”, expressou.

“Fico muito feliz de ter esse espaço cultural servindo de forma positiva para população. Durante o período de 6 meses esses jovens tiveram o curso de teatro, e hoje ocorreu a culminância das atividades. E nos emocionamos muito com a apresentação das duas peças aqui apresentadas pelos alunos. Essa é a comprovação que a gestão do prefeito Gilson Andrade tem com o fomento da cultura, sua preocupação com a juventude para que esses jovens possam ser protagonistas e atuarem efetivamente dentro do contexto cultural do nosso município”, afirmou o secretário adjunto da Juventude e Desporto, Kaique Freire.

O radialista, ator e agente cultural Luiz Carlos Dussantus, comentou sobre a grande contribuição que as oficinas de teatro dão para auxiliar os jovens a vencer barreiras sociais. “Acho essa iniciativa de promover oficinas de teatro muito produtiva. Esses jovens chegam nas oficinas com bloqueios, com dificuldades de comunicação , de entrosamento, e conseguem chegar no palco e se expor publicamente. Isso parece uma tarefa simples, mas é extremamente complicado porque os jovens estão cada vez mais tímidos, mais presos ao computador, as redes sociais e não se comunicam tanto. Então, um jovem se expressar com pessoas olhando é bem mais difícil do que parece. E quando ele consegue se expressar diante de uma plateia é muito poderoso para o fortalecimento mental, da autoestima, e da capacidade que eles tem de ser relacionar com o mundo. Assim, as oficinas são importantes não só pelo conteúdo artístico que se produz, mas para a própria vida.”, disse.

Luiz Eduardo, 18 anos, relata as contribuições que as oficinas de teatro proporcionaram em sua vida. “Eu sempre fui muito tímido e não falava com quase ninguém, a não ser com meus amigos mesmo. E o que me motivou a fazer a oficina de teatro foi para aprender a me comunicar melhor. No decorrer do curso aprendi muitos ensinamentos úteis com a professora Lidiane, ela me incentivou a ter coragem, a falar mais, a ter linguagem corporal. Ou seja, o curso me impulsionou e a aprendizagem será muito útil já que tenho esse desejo dentro de mim e isso que quero fazer realmente, atuar”, afirmou.

As inscrições para a nova turma estão abertas, e os interessados com idade entre 15 e 29 anos poderão procurar a secretaria da Juventude de segunda a sábado para fazer a inscrição de forma gratuita.

Parceiros

Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação