2180

Prefeitura Municipal de Estância

Pular para o conteúdo

Profissionais de saúde recebem cuidado holístico através de terapia auricular

Fonte: SECOM
28/08/2018 às 11h53

Noticia

Galeria com imagens e vídeos sobre a matéria


Tendo em vista a implantação de Práticas Integrativas e Complementares (PICs) na rede municipal de Saúde, a Prefeitura de Estância, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) vem estabelecendo estratégias na Atenção Básica, a fim de ampliar a prevenção e assim promover mais saúde para a população. Embora o serviço ainda esteja em fase de implantação, profissionais da área da saúde já estão sendo capacitados para se habilitarem em terapia auricular, que consiste em uma ferramenta terapêutica.

Nesta segunda-feira, 28, a Agente Comunitária de Saúde (ACS), Tassiane Dória Fontes que já fez o curso e está habilitada em terapia auricular, realizou na Unidade de Saúde da Família Irmã Madalena, no bairro Alagoas, a prática desse cuidado holístico com profissionais dessa unidade de saúde. Ela disse que considera a inclusão das PICs como uma ferramenta terapêutica muito importante, inclusive, para tratamento em alguns casos já bastante evidenciados cientificamente, a exemplo de dores crônicas e distúrbios emocionais. “A inclusão de PICs vai fazer com que o paciente passe a utilizar menos recursos medicamentosos e também proporcionará a redução de despesas na área da saúde, ou seja, é uma possibilidade concreta de redução de gastos públicos no serviço público de saúde”, destacou.

De acordo com a coordenadora do setor de Educação Permanente da SMS, Jéssica Souza, o objetivo de implementar Práticas Integrativas e Complementares da saúde é para proporcionar aos profissionais de saúde, em por conseguinte os usuários do serviço, os benefícios da medicina alternativa. “Esse programa será incluído como parte da Atenção Básica e os agentes comunitários de saúde que vão identificar os pacientes que poderão ser tratados com as PICs e assim, encaminhá-los para atendimento”, informou.

“É a primeira vez que faço terapia auricular. Busquei para me sentir melhor, pois a tensão do dia a dia nos deixa com tores tensionais. Gostei muito e estou me sentindo muito bem e sei que consequentemente terei um melhor desempenho em minha atividade profissional”, disse a auxiliar de enfermagem Maria Vanilma Alves.

Parceiros

Empresa Sergipana de Tecnologia da Informação